10/11/2006

Quando a paz é o alvo

Pode parecer incoerência, mas foi intencional. O post anterior é uma homenagem a um homem que banaliza a violência pelo exagero. E o título deste tem dupla interpretação. A paz é o objetivo, é o alvo de muitos, mas quero abordar o trágico fim de pacifistas ilustres. Vejam:

- Mahatma Gandhi - Mahatma em sânscrito significa "grande alma". Embora nunca tenha recebido o prêmio Nobel da Paz, foi indicado por 5 vezes. Usava o jejum como forma de protesto pela independência indiana. Foi assassinado a tiros...

- Martin Luther King - Ele tinha um sonho! Defendeu os direitos civis para os negros e mulheres através de uma campanha de desobediência não-violenta. Foi o mais jovem a receber o Nobel da Paz (1964). No dia 07/03/1965 aconteceu uma marcha e o "Domingo Sangrento". Pergunte para o Bono Vox que ele te explica direitinho. Em abril de 1968 foi assassinato momentos antes de outra marcha...

- John Winston Lennon - Esse não precisa maiores apresentações. O mais rebelde dos Beatles tornou-se um ativista em favor da paz. Em 1980, aos quarenta anos foi assassinado por um fã. Mark Chapman portava além de um revólver calibre 38, o livro "O apanhador no campo de centeio", e alegou que o livro continha uma mensagem para matar Lennon... Disse também que acompanhava o dia-a-dia de Lennon nas ruas de Nova Iorque, e ficou muito decepcionado porque descobriu que ele era um simples humano...

- Yitzhak Rabin - Político israelita que recebeu o Nobel da Paz em 1994 por seus esforços pela paz no oriente médio. Um ano antes, na presença de Bill Clinton, selou o Acordo de Oslo com o líder palestino Yasser Arafat. Em 1995 foi assassinado por um militante de extrema direita que se opunha às negociações com os palestinos. Mais um golpe na paz...

Quando citamos nomes, corremos o risco de esquecer de alguem e cometer injustiças.
Alguem pode me ajudar nesta lista?

3 legendas adicionais:

Monica disse...

Eu mencionaria Aung San Suu Kyi, uma ativista pela paz que ganhou o Prêmio Nobel em 1991. Ela sim, vai atrás..
;**

Anônimo disse...

Acho que faltou o mais importante de todos...aquele que morreu para nos salvar!
"JESUS CRISTO"
Seja lá qual for a verdade por trás desse homem, uma coisa é certa ele morreu por pregar a paz, o amor e os ensinamentos de Deus.

Miss Supahstah disse...

Não me lembro de nomes...
mas é realmente injusto esse negócio dos pacifistas morrerem assim...
Pelo menos eles deixaram uma mensagem de paz e o que eles fizeram não foi em vão!
:*

Related Posts with Thumbnails